5 dicas para tirar o máximo de uma leitura

O segredo revelado de uma uma leitura eficiente

A melhor forma de leitura, a que vai trazer mais eficiência, menos trabalho e um conhecimento mais profundo é a leitura ativa.

Mas a final  o que é a leitura ativa?

Nada mais que um método com intuito de ter foco para retirar algo útil e que fixe na sua memória, da leitura que você estiver fazendo. Portanto, sendo bem diferente daquela leitura passiva de revistas ou jornais, ou de livros de ficção, do qual apenas passa pelo texto para saber do que se trata ou da história, sem uma análise profunda.

E há vários modos de se fazer isso, como o SQ3R ou SQ4R, que são mais complicados, e que precisam um pouco de práticas…

Porém vou passar 5 dicas que são simples, fáceis e práticas, que você já vai poder usar logo após terminar esse artigo.

Vale lembrar, que quanto maior for a quantidade de páginas que você  precisa ler, maior a chance de existir parágrafos que não tem muita importância, são alguns que contam a história, ou que dão alguns detalhes ou curiosidades. Normalmente, não precisamos desse tipo de parágrafos se o intuito é apenas pegar as informações importantes para sua aula por exemplo.

Então a primeira ação para quem quer tentar a leitura prática

é a de passar rapidamente por todo o texto antes de realmente começar a leitura, tentando encontrar quais parágrafos  contém as informações mais importantes. Para fazer isso, nada melhor que dar uma rápida olhada no sumário, ver a conclusão e a revisão do capítulo e algumas das questões oferecidas. Lembre-se que um livro de estudos não é um livro de ficção, então não tem “spoilers”.

Tudo isso é importante para se ter uma visão ampla de todo capítulo. Com esse método, ao começar a leitura em si você já vai entender qual o intuito de cada parte do capítulo, o que vai ajudar muito no seu entendimento.

Segunda dica: Comece pelo final..

É essencial em uma leitura ativa, que você vá além de apenas ler o texto, sendo importante que desde a primeira leitura, você comece a refletir e a gerar dúvidas do que for lendo. Se o autor disse algo, tente entender o porquê daquilo, se tiver dúvidas, anote e tente parafrasear as partes mais importantes

Terceira dica: A leitura é dita ativa não por acaso

Outra dica é prestar mais atenção para os itens em negrito, que estejam listados, em figuras ou de alguma outra forma destacados. O entendimento do texto provavelmente depende da análise dessas partes, então esses são os lugares que precisamos ficar mais tempo.

Quarta  dica: Repare nas partes destacadas do texto

E além disso tudo, outra coisa fundamental para um leitura ativa é que as partes mais importantes do livro que você estiver lendo,  sejam marcadas e que anotações sejam feitas.

Tendo como exemplo, marcadores, post-its até mesmos folhas para fazer tais anotações.

Quinta dica: Marque os pontos importantes e faça anotações

Não há mistérios quando o assunto é leitura ativa, e essas foram as cincos dicas, agora pegue seu livro e veja a diferença. Bons estudos!

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *